quarta-feira, 24 de junho de 2015

Vôlei

http://www.mg.superesportes.com.br/app/noticias/volei/2015/06/22/noticia_volei,313150/banco-do-brasil-retoma-patrocinio-apos-cbv-adotar-medidas-de-transparencia-em-gestao.shtml

domingo, 21 de setembro de 2014

Brasil celebra equilíbrio emocional contra 'chata' França no Mundial de vôlei

Brasil celebra equilíbrio emocional contra 'chata' França no Mundial de vôlei



Brasil celebra equilíbrio emocional contra 'chata' França no Mundial de vôlei

O Brasil chegou à final do Campeonato Mundial de vôlei masculino, realizado na Polônia, neste sábado, ao , em um partida muito disputada na Spodek Arena, em Katowice...
O Brasil chegou à final do Campeonato Mundial de vôlei masculino, realizado na Polônia, neste sábado, ao bater a França por 3 sets a 2, em um partida muito disputada na Spodek Arena, em Katowice. Para os brasileiros, o adversário necessitou uma atenção especial, tanto no emocional, quanto no modo de jogar, já que os franceses praticam um voleibol mais defensivo.

"É hora de apagar esse jogo. A adrenalina tá lá em cima ainda, eu ainda estou nervoso. É um jogo que exige muito do emocional porque é necessário ter paciência para enfrentar esse time. A equipe demonstrou paciência e maturidade para superar eles", declarou o capitão Bruninho após o jogo ao canal SporTV.

Para o meio-de-rede Lucão, a França causou perigo pelo seu estilo de jogo defensivo, priorizando os bloqueios, tornando a partida "chata" para os brasileiros.

"É uma seleção que cresceu muito nos amistosos. A gente sabia que ele são uma equipe extremamente defensiva, que toca a bola, lembrando muito os times argentinos de vôlei, que usam muito o bloqueio, defendem muito. Pra nós é um jogo um pouco chato porque estamos acostumados a enfiar a "porrada", e eles ficam defendendo lá no fundo", analisou Lucão.

O capitão Bruninho já pensa na final do domingo, esperando fazer história com a delegação, conquistando o tetra consecutivo da competição. Anteriormente, a seleção brasileira venceu os torneios de 2002, 2006 e 2010.

"Colocar o nome do Brasil na história dos esportes coletivos que é o tetracampeonato mundial consecutivo. É isso que sonhamos desde o início, desde abril, quando a gente se encontrou em Saquarema. O campeonato não começou contra a Alemanha, o torneio começou há muito tempo", explicou Bruninho.

O Brasil espera o vencedor de Alemanha e Polônia na decisão. A partida será realizada nesto domingo, na Spodek Arena, em Katowice, às 15h25 (de Brasília).

quinta-feira, 29 de maio de 2014

Vôlei: Brasil bate a Polônia e vence a primeira na Liga Mundial masculina - Esporte - O Dia

Vôlei: Brasil bate a Polônia e vence a primeira na Liga Mundial masculina - Esporte - O Dia

Paraná - O Brasil deu fim ao drama vivido na Liga Mundial masculina de vôlei. Com atuação de gala do reserva Lipe a equipe de Bernardinho derrotou a Polônia por 3 sets a 0 em 1h22 de jogo, em Maringá. Com parciais de 25-23, 29-27 e 25-19, a equipe brasileira conseguiu a primeira vitória após dois graves tropeços contra a Itália na última semana. O resultado impediu que o time emplacasse o pior início numa temporada do torneio desde a chegada do treinador, em 2001.

Brasil consegue primeira vitória na Liga Mundial
Foto:  Divulgação
A partida do Grupo A começou com o começo negativo da seleção brasileira. O ponteiro Lipe acabou sendo o destaque do jogo ao marcar 16 pontos. O atleta entrou no duelo para substituir Murilo ainda no primeiro set, quando a equipe estava em desvantagem no placar. Com um bom desempenho nos saques, o jogador entrou em quadra com a missão de contagiar os companheiros e teve o objetivo alcançado.
No set seguinte, a Polônia voltou a largar na frente no placar, mas seguiu a virada mais uma vez. O set aparentemente mais disputado foi o terceiro, mas o time de Bernardinho acabou não tendo dificuldades para fechar a partida.

Agora, Brasil e Polônia voltam a se enfrentar nesta sexta-feira, pela quarta rodada do Grupo A da Liga Mundial Masculina.